" />

Mutismo seletivo

Alguns de nós já se depararam com crianças/jovens que revelam uma enorme dificuldade em falar em contexto sociais. Possivelmente pensámos que isso se deve a timidez, vergonha ou teimosia, e que passará com o tempo. No entanto, este comportamento pode não ser uma escolha, mas sim uma dificuldade chamada Mutismo Seletivo.

O Mutismo Selectivo é caracterizado pela ausência de linguagem em contextos em que falar é natural (por exemplo, na escola). Esta ausência de expressão verbal surge apesar de a criança ser capaz de falar noutras situações. Uma criança com Mutismo Selectivo pode, por exemplo, não falar com professores ou colegas de escola, mas fazê-lo fluentemente em casa. Esta dificuldade não depende do controlo voluntário da criança nem diminui de forma espontânea – é uma manifestação de ansiedade extrema expressa em situações sociais.

No PIN, encontra uma consulta que oferece esclarecimento e resposta terapêutica às famílias, crianças e escolas que lidam com o Mutismo Selectivo, bem como aconselhamento e acções de formação nas escolas, centros de saúde e comunidade em geral.

  • Avaliação de crianças que apresentem sinais de Mutismo Seletivo;
  • Programas de intervenção específicos para esta população;
  • Programas de formação específicos para Pais e Professores sobre Mutismo Seletivo.